Páginas

08/12/2017

Resenha: A Rosa do Inverno de Patricia Cabot!!

Oi!! No post de hoje vamos resenhar o livro "A Rosa de Inverno" de Patricia Cabot (não você não leu errado), Patricia Cabot é o pseudônimo de Meg Cabot, onde a autora de sucessos adolescentes mostra um lado mais ousado, mas não menos romântico de sua escrita. Esse livro não é um lançamento da autora já está em sua quarta impressão. A edição que compramos é da editora Essência e pagamos R$ 5,00 naquelas maquinas do metrô, mas vimos a mesma edição na Saraiva sob encomenda por R$ 52,90.

Titulo: A Rosa de Inverno
Autora: Patricia Cabot
Editora: Essência 
Págs: 412

Sinopse: Acostumado a conseguir qualquer mulher, Lord Edward Rawlings enlouquece com a sensualidade de Pegeen, que estava longe de ser a tia solteirona que ele havia imaginado. Mas Pegeen não está disposta a fazer mais concessões além de mudar-se, pelo bem de seu sobrinho, para a mansão dos Rawlings na Inglaterra. No entanto, ao chegar lá, ela logo percebe o risco que corre. Sempre movida pela razão, Pegeen sente que dessa vez seu coração está tomando as rédeas. Ela pode resistir ao dinheiro e ao status, mas conseguirá resistir a Edward? A Rosa do Inverno é um romance leve, com boa dose de romantismo, forte aroma de sensualidade e uma pitada de suspense. Fala de paixão arrebatadora e indevida, de destino e escolha. Mas, sobretudo, é uma história que acende o debate sobre a condição feminina, o papel, os desejos, os temores da mulher. Ao confrontar o instinto de se entregar a um homem e a decisão de manter a independência, a Patricia Cabot faz do livro um espelho dos dilemas femininos. 


Resenha: O livro conta a história de Lord Edward Rawlings e Pegeen, Edward um homem de boa classe social que querendo se ver livre da pressão e responsabilidade de ser o novo duque de Rawlings faz de tudo para encontrar o filho de seu falecido irmão John (que era o verdadeiro herdeiro desse titulo) para ocupar o seu lugar. 
O seu sobrinho o pequeno Jeremy de dez anos é o atual herdeiro no lugar de seu pai, Edward então começa assim uma busca pelo garoto, mais ao encontrá-lo ele conhece e tem que lidar com a tia liberal do menino que está disposta a fazer de tudo para protege-lo. 
Ao chegar em Applesby para buscar o seu sobrinho, Edward da de cara com Pegeen uma linda moça, que para surpresa de Edward é a tia do garoto. Já que o mesmo esperava uma velha solteirona fácil de convencer, mas ao contrário disso Pegeen é uma jovem liberal e rebelde.



Pegeen é uma mulher jovem,  que apesar de ser filha de vigário, pensava a frente do seu tempo, e nunca pensou em se casar e que cuida do seu sobrinho desde a "morte" de sua mãe.
Edward fica encantado por Pegeen tanto por sua beleza quanto pelo seu temperamento que era diferente das mulheres que ele estava acostumado.
Depois de muito argumentar Edward consegue convencer a teimosa Pegeen que ela e seu sobrinho tem que ir com ele para a Inglaterra pelo bem do garoto, já que a ajuda que Pegeen recebia da igreja era pouca e ambos levavam uma vida muito simples. Quando vão para o solar Rawlings, casa da família de Edward, vivem brigando, atitudes que ambos encontraram para negar a atração que sentiam um pelo o outro.
Assim que começam a conhecer os segredos um do outro, alguns os aproximam e outros os afastam. Os segredos de Edward afastam Pegeen, já que algumas atitudes dele, demonstravam uma certa falta de caráter (muitas atitudes que também não concordamos). Já Pegeen sofre com os segredos de sua "falecida" irmã, que podem levá-la para longe de Rawlings.
A trechos bem quentes e divertidos, em todo o enredo, apesar das brigas que eram a maneira de ambos esconderem o que sentiam. 

No final também é revelado alguns segredos de Edward que o atormentavam e que acabamos entendendo (mais não aceitando) algumas atitudes dele, e só ai que eles conseguem se entender quando ele resolve se abrir com Pegeen. Também é revelado o segredo por trás da "morte" da irmã de Pegeen.
O livro é narrado em terceira pessoa e é composto por 30 capítulos e um epilogo. Suas cenas são bem detalhadas, a autora descreve tudo minuciosamente desde a aposentos da casa aos trajes dos personagens, o que nos transporta para a época onde a história se passa que é no ano de 1860.
Esse é um livro bem diferente do que estamos acostumadas a ler, que apesar de ser um romance de época tem cenas bem sensuais.Gostamos bastante do livro por a personagem Pegeen ser uma mulher  inteligente e independente e que  buscava mudar a imagem e ocupações das damas da época. Vamos confessar que não morremos de amores por Edward logo de inicio, já falamos que não concordávamos com algumas atitudes do mesmo,mas ao conhecer Pegeen e seu sobrinho ele vai tentando mudar as suas novas atitudes acabam nos conquistando também.
Para quem gosta de romances de época, esse livro é uma ótima pedida. Sabemos que há uma sequência que narra o romance de Jeremy com a melhor amiga e já estamos super com vontade de ler.




  
Esperamos que tenham gostado da resenha.Já conheciam o livro?

Comentem.

       






17 comentários:

  1. Para mulheres rômanticas, recomenda-se...
    xoxo

    marisascloset.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Wow!! Parece bem diferente e interessante - eu curto muito romances históricos ❤ amei a indicação.. e cara vocês pagaram muito barato!!

    Beijos,
    brilhodealuguel.com

    ResponderExcluir
  3. Que livro mais interessante, amei a resenha.
    Big Beijos,
    LULU ON THE SKY

    ResponderExcluir
  4. Adorei a indicação. Esse livro parece ser muito bom de se ler.
    os relatos de uma jornalista

    ResponderExcluir
  5. Não faz muito o meu estilo meninas, mas me pareceu ser uma opção bacana mesmo para quem curte romances de época. E vocês conseguiram comprar tão baratinho, arrasaram! :)

    Não Me Mande Flores

    ResponderExcluir
  6. Não sabia dessa de Patricia Cabot e adorei! Acho legal quando as autoras e autores criam "outro nome" pra poder diferenciar o público. Gosto de romances, mas nunca li um romance de época, não sei se eu gostaria. Acho que ficaria com raiva de alguns costumes que naquela época existiam quando o assunto era romance, sabe? Mas Romeu e Julieta é um romance de época e que quebra todas as regras né? Eu adoro, mas só vi o filme, haha! Queria ler o livro também. Enfim, gostei de conhecer essa lado da Meg Cabot, haha!
    Beijos!

    www.likeparadise.com.br

    ResponderExcluir
  7. Achei a diferença de preço bem exorbitante, nossa!!! *o*
    Eu não gosto de ler, mas achei o nome do livro e a capa bem bacana :)

    https://heyimwiththeband.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. A resenha ficou bem bacana meninas, eu não conhecia esse livro não, mas pelo post fiquei com vontade de ler! Beijos

    http://www.cherryacessorioseafins.com.br

    ResponderExcluir
  9. gostei bastante de conhecer esse livro, fiquei bem curiosa pra ler agora com essa super resenha de vcs

    www.tofucolorido.com.br
    www.facebook.com/blogtofucolorido

    ResponderExcluir
  10. Não conheço o livro, to vendo um monte de post sobre livros e não conheço nada, to bem triste.

    Beijos

    Blog Lua Soares

    ResponderExcluir
  11. Gostei da dica de livro, amo ler!

    Beijos
    www.jessicarcoelho.com

    ResponderExcluir
  12. acho que nunca li um romance de época, não que eu me lembre pelo menos, mas sempre tive curiosidade. Gostei da dica de livro meninas!

    http://www.teoremademahlli.com.br

    ResponderExcluir
  13. A good book,I want to read!
    if you pick up dresses,glamchase dusty lilac bridesmaid dresses reviews gives you amazing choices.
    http://www.glamchase.co.uk

    ResponderExcluir
  14. Não conhecia esse livro. Vou dar uma olhada =)


    Beijinhos
    n. // www.fashionjacket.com.br

    ResponderExcluir
  15. Ainda não conhecia esse livro, goste bastante da sinopse, parece ser muito interresante e com uma linda história!
    Beijos,
    http://karenellenblog.blogspot.com.br/2017/12/top-5-coisas-que-eu-mais-gostei-em-2018.html

    ResponderExcluir